Cores e coreôs em “Running Back to You”, novo clipe do Bright Light Bright Light



Rod Thomas, ou Bright Light Bright Light, cantor britânico conhecido do site desde 2011, trabalha atualmente na promoção de seu terceiro disco de estúdio, Choreography, lançado em julho passado.

Elton John, que é uma espécie de "padrinho" do moço, aparece em algumas músicas do álbum: desde compartilhando vocais em "I Wish We Were Leaving", até emprestando seus talentos no piano em "Symmetry of Two Hearts".

Esse último caso é o mesmo de "Running Back to You", que como as anteriores, também virou single. Misturando os acordes de Sir John com sintetizadores e saxofiones, a canção é uma boa pedida para os amantes de M83 e St. Lucia.

Seu clipe, divulgado nesta terça-feira (17), segue a estética que tem marcado a identidade visual da atual fase do artista, trazendo fortes cores contrastantes e coreografias contemporâneas.


quedelicianegente.com

“Abstract”: nova série documental da Netflix abordará as várias vertentes do design



Alguns leitores já pediram para voltarmos a salpicar nossos posts sobre cultura pop com mais sobre arte e design, que, num passado longínquo, eram mais frequentes no site. Eis que hoje surgiu a oportunidade perfeita de colocar isso em prática.

A Netflix, conhecida por seus seriados e filmes originais, também tem vários documentários em seu catálogo. Alguns deles, são de produção própria, como é o caso de Abstract: The Art of Design, que recebeu  trailer nesta quarta-feira, 18.

O material abordará as várias vertentes do design, desmistificando seu papel na prática, que, como um conceito bastante abrangente, faz muito mais parte da vida de todas pessoas do elas imaginam.

Dentre os profissionais que falarão sobre suas obras e inspirações, há nomes como: Paula Scher, designer gráfica criadora dos logos do Windows8 e Citibank e primeira mulher a integrar o estúdio Pentagram; Tinker Hatfield, designer de tênis da Nike; Christoph Niemann, ilustrador com trabalhos em diversas publicações ao redor do mundo; o designer de automóveis Ralph Gilles; Platon, fotógrafo conhecido pelas fotos de presidentes e celebridades; a premiada designer de interiores Ilse Crawford; Bjarke Ingels, renomado arquiteto dinamarquês e Es Devlin, cenógrafa responsável pelos palcos de turnês de grandes artistas e de eventos como os Jogos Olímpicos de Londres.



Dirigida por Morgan Neville (ganhador do Oscar pelo doc A Um Passo do Estrelato) e produzido por Scott Dadich (editor da revista Wired), a série documental terá oito episódios, disponibilizados em 10 de fevereiro no serviço de streaming.
quedelicianegente.com

Confirmado: após rumores, “Will & Grace” retornará mesmo à TV ainda neste ano!



Depois de um episódio especial para impulsionar a campanha presidencial de Hillary Clinton em setembro passado, o elenco de Will & Grace teve que lidar com rumores de que a série retornaria.

Isso teve um tremendo impacto entre os fãs e, apesar de Leslie Jordan ter confirmado a retomada da série na época, Debra Messing negou até o momento. Mas o mistério acabou! A NBC lançou um teaser e anunciou que o sitcom terá 10 novos episódios.



Grace (Messing), Will (Eric McCormack), Jack (Sean Hayes) e Karen (Megan Mullally), além de Rosario (Shelley Morrison), retornam trazendo um humor vanguardista para a época, sobretudo por tocar em temas que envolvem a comunidade LGBTQIA. Os criadores David Kohan e Max Mutchnick continuarão a comandar o seriado.

Em entrevista ao IndieWire, Jennifer Salke, presidente da NBC, contou que a ideia surgiu após a gravação do episódio feito para as eleições de 2016. "Nós começamos a conversar com Mutchnick e Kohan sobre produzir novos episódios logo após eles terem filmado secretamente em setembro o episódio. E o fato das quatro estrelas originais se empolgarem com a ideia de voltar a gravar, é a prova da agradável experiência que eles tiveram fazendo quase 200 episódios por oito temporadas".

Will & Grace foi transmitido de 1998 até 2006 e ganhou diversos prêmios, como 16 Emmys e 50 indicações ao Globo de Ouro. O revival retorna à TV na primavera de 2017, a chamada fall season estadunidense.
quedelicianegente.com

Álbuns mais aguardados de 2017 Pt. 3/3: Brooke Candy, Bebe Rexha, Dua Lipa e mais!



Chegamos à terceira parte da nossa lista dos Álbuns mais esperados de 2017. Depois de elencarmos os veteranos que retornarão e quem lançará o temido segundo disco, vamos falar de quem está começando agora - porque, ao contrário de Suzana Vieira, temos paciência para esses talentos.

Entretanto, há também quem está fazendo música há algum tempo, através de grupos ou duplas, e se prepara para seguir em carreiro solo, como Alice Glass e Camila Cabello. Outros, como Porcelain Black e Brooke Candy, fazem parte do clube "enrolados pela gravadora" e devem fazer suas estreias, queiram os deuses, este ano.

BANKS volta à divulgação do álbum “The Altar” com o clipe de “Trainwreck”



BANKS finalmente retomou a promoção de seu mais recente álbum, The Altar. Lançado em setembro, o disco já rendeu vídeos de "Gemini Feed" e "F**k With Myself" e agora ganha um para "Trainwreck", que é, sem dúvidas, a faixa mais acessível do material.

Com uma carga de tensão, metalinguagem e voyeurismo, o clipe mostra a cantora por cômodos austeros, acompanhada de perto e interagindo com misteriosos homens de estranha formação óssea facial. Tudo isso com trocas de cenários, figurinos aviários e coreografias sensuais.

A direção é de Marie Schuller, conhecida por seus trabalhos na área fashion.



"Trainwreck" foi uma das primeiras canções que Banks escreveu, quando tinha só 14 anos, conforme afirmou em uma entrevista ao Idolator. "Eu era uma pequena garota estranha (...). Eu me sentia uma estranha e a música era um lugar em que eu poderia ser assim. Elas ficavam em minha cabeça! Era como um cântico. Eu me lembro de escrevê-la - a escrevi num caderno. Sempre lembrarei dessa letra. Há algumas letras das quais eu sempre lembrarei.", disse a artista.
quedelicianegente.com