6 versões gay de clipes pop famosos!


2011 foi um ano marcante no mundo da música, com vários hits, etc e tal (por sinal, já leu nossa retrospectiva sobre o assunto?). Claro, a maioria de tais hits foram de música pop (e mesmo que não fossem, "ser hit", torna algo "pop", para todos os efeitos).
Falando de maneira bem generalizada, desde que o mundo é mundo, música pop é ritmo preferido dos gays. E esses, por sua vez, adoram demonstrar esse amor. Alguns apelam para discussões sem sentido de "qual diva é melhor?", outros preferem gastar seu tempo com coisas mais produtivas (ou não, rs), produzindo suas próprias versões de clipes famosos.
Como faz tempo que não postamos uma dessas versões (acho que desde aquela incrível e vampiresca de "Teeth"), resolvi postar várias, tudo de uma vez. Vamos ver?

Britney Spears - Criminal:
O pessoal do James Independent Film's fez uma versão de "Criminal" da Britney Spears, com direito a namorado bad boy, fuga em moto, tiros à la Matrix, banho com box embaçado e muita creemeenaleedade (/Katylene)... Claro, tudo versão gay.



Katy Perry - Last Friday Night (T.G.I.F.):
Também é deles essa versão de "Last Friday Night (T.G.I.F.)" da Katy Perry. Com o nome desses e o pressuposto de que é uma versão gay... Bem, assista:



Rihanna - We Found Love:
Já os gatões Dave Lingwood e Duncan Penndo, do programa The Buried Life da MTV USA, resolveram participar de uma paródia gay engraçadíssima do hit "We Found Love" da Rihanna. E aparados pela estrutura do canal, o vídeo é super profissional, reproduzindo as principais cenas do clipe, que é ótimo. Tem a cena da banheira, as projeções na parede e até as drogas, que aqui foram substituídas por doces. Hilário e MUITO sexy!



Beyoncé - Run The World (Girls):
Voltando a tosqueira caseira, temos essa versão do bélico clipe "Run The World (Girls)" da Beyoncé, que virou "Run The World (Gays)"... Mas também podia ser "Run The World (Travestis que gostam de roubar)", porque olha.



Adele - Rolling in the Deep:
Um grupo de amigos gays gringos resolveram aproveitar o final de semana em Palm Springs, e fazer - no meio da pool party - uma versão de "Rolling in the Deep" da Adele. Sai o samurai dançando na poeira e louças quebradas, entram os boys sem camisa e muito vodca.



Adele - Set Fire To The Rain:
Por fim, a inglesa Adele também é a inspiração dessa versão quase profissional de "Set Fire To The Rain", single do álbum 21, que tecnicamente possui um clipe ao vivo. Aqui, resolveram colocar uma história (um triângulo amoroso bi-sexual, representado por um ballet todo sensual, com dois homens e uma mulher) e até uma sósia da cantora!
Os próprios produtores do vídeo definiram "Set Fire To The Rain" como um hino gay, me desculpam, mas não não vejo onde (pelo menos não diretamente, pela letra)...! Mas de qualquer maneira, ficou bem bonita a produção.



[Via Pheeno / Superpride / Gay1]
_

3 comentários :