Overdose de clipes - Parte 2: Pop, porque ninguém é de ferro!


Conforme prometemos ontem, vai aí o segundo post-resumo cheio de clipes, dessa vez com foco nos lançamentos mais pop/mainstream. Quem ainda não conferiu o post anterior, com foco e indie e rock, só correr nesse link.

Nicki Minaj - Stupid Hoe:
Na sexta-feira saiu um dos clipes mais comentados, amados e odiados da semana, "Stupid Hoe" da Nicki Minaj (música já postada aqui), single do seu segundo álbum, Pink Friday: Roman Reloaded, que sai em abril. Eu mesmo ainda não decidi o que pensar sobre ele.
Se por um lado é, sem dúvidas, bastante clichê (esperavam o que de uma direção do Hype Williams?) e está cheio de supostas "referências/inspirações" a outros clipes pop atuais... Por outro, é sadicamente interessante de assistir. Digo isso quanto a esse tipo de edição do diretor, que dá mais dor de cabeça que aquele episódio de Pokémon banido do Japão! Tipo o que acontece com o clipe "House Party" do 3OH!3, saca? Enfim, assista abaixo (mas pegue a dipirona antes).



Far East Movement - Jello (feat. Rye Rye):
Por falar em clipes frenéticos, tem o novo do Far East Movement, com participação da fofa Rye Rye, "Jello", primeiro single do quarto álbum do grupo hit maker, Dirty Bass, que será lançado este ano.
Embora ainda seja um clipe de "balada", o vídeo tem uma pseudo-histórinha: eles invadem uma reunião do governo/jantar de caridade (com sósias da Oprah, Barack Obama e Tiger Woods... O que achei meio "Eminem"), transformando tudo em bagunça, curtição e putaria.
Será que conseguirão superar "Like a G6"?



Dev - Dancing Shoes:
Ainda ligando assuntos, falemos do novo clipe de uma das integrantes do hit "Like a G6", Dev: "Dancing Shoes", outro do diveeeeersos singles do seu álbum de estreia, The Night The Sun Came Up.
Sou um dos que viviam reclamando do fato dela só lançar clipes na balada, e pelo visto a gravadora concordou, e resolveu explorar outro lado da moça. De que jeito? Fazendo um clipe, sob a direção de Mickey Finnegan, todo "LittleMissSunshinesco/BillyElliotiesco", onde um gordinho sofre bullying ao fazer um número de dança num concurso de talentos.
Embora seja válida, a tentativa de tornar o vídeo algo sensível, ficou meio brega (não só pela história meio sem cabeça, mas também pelo visual, como slow motion e sobreposições desnecessárias).



Kazaky - Dance And Change:
Dança também é a cerne do novo clipe da ""boy"" band ucraniana Kazaky, também conhecida como "o grupo em que quatro marombados usam sapatos de salto alto".
Os caras fizeram bastante sucesso no submundo gay, desde que surgiram em 2010, com singles como "In The Middle", e agora estão de volta com o ótimo clipe "Dance And Change", lançado no comecinho do mês.
Nele, pra variar, aparecem dançando e sensualizando com seus corpos belíssimos (e no salto alto, claro) em cenários high tech à la Tron Legacy e ótimo efeitos especiais. Bem que poderiam ter explorado melhor esse conceito "poledance + sabre de luz", que achei genial!
Quando será que sai o prometido debut, hein?



Dia Frampton - Don't Kick The Chair (feat. Kid Cudi):
Quem também lançou "clipe" foi a Dia Frampton, finalista da última edição do The Voice, que antes do programa fazia parte da banda Meg & Dia (mais explicações nesse post). "Don't Kick The Chair", com a participação do rapper Kid Cudi, é o segundo single de seu álbum solo de estreia, o Red, lançado no final do ano passado (o primeiro foi "The Broken Ones", que teve o clipe comentado aqui).
As aspas na palavra clipe ali em cima foram porque o vídeo (descrito como "pseudo video" no Vevo) não é exatamente um clipe, e sim um "lyric video sem letra" (algo similar ao que o fun. fez), um audio video, por assim dizer. Nele, vemos a realização quase literal da letra, com imagens de cadeiras caindo (só que em câmera reserva), explorada de ângulos inusitados e enquadramentos macro.
Embora diferente do que costumamos a ver (principalmente pela quase total ausência de humanos), não acho que precisaria lançar outra coisa, não. Tá ÓTIMO assim.



Cobra Starship - Middle Finger (feat. Mac Miller):
Depois do hit "You Make Me Feel", a banda americana Cobra Starship está de volta com o single/clipe "Middle Finger", saído do seu quarto álbum, Night Shades, com a participação do rapper Mac Miller.
Se o álbum já não é 'aquelas coisas', comparado aos anteriores, o single então, nem se fala...! Ô temáticazinha idiota, hein?
Logo, o clipe, embora bem produzido, não poderia ser diferente: um festival de gente mostrando o dedo do meio, nas mais diversas situações.
CS, já pode se remedir lançando "You Belong To Me" ou "Disaster Boy" como single. Bja!



One Direction - One Thing:
One Direction é um assunto polêmico, e isso já era claro desde quando o apresentamos nos blog, na metade do ano passado. A boyband teen fenômeno no Reino Unido (e mundo) é amada e odiada no mesmo nível. Eu, particularmente, não os amo de paixão, mas gosto. Eles não tem culpa de terem nascidos, por assim dizer, com uma genética "Colírios Capricho"... Pelo menos eles cantam, né gente?
Seja como for, o novo clipe, "One Thing" (música saída do CD de estreia, Up All Night), mostra um pouco desse estrondoso sucesso, com o grupo passeando por Londres num ônibus de dois andares, seguido por uma horda de fãs histéricas.



Emeli Sandé - Next To Me:
Aí que descobriram o 3º Segredo de Fátima: É a revelação de por que diabos nunca falamos de Emeli Sandé no blog. Sim, já a conhecíamos, até porque faz bastante sucesso entre o público e crítica desde que surgiu, lá em 2010, com singles como "Heaven". Mas antes tarde, que nunca, né? Falemos agora, quando está prestes a lançar seu aguardado debut, o Our Version Of Events (escute a prévia), no dia 13 de fevereiro.
Para a divulgação dele, lançou o clipe do single "Next To Me". Um vídeo bem simples, sincero e bonito, com um "ritmo visual" (edição, enquadramentos, posicionamento e movimento de câmeras, etc) que me lembrou vagamente "Rolling in the Deep". Veja só:


_

7 comentários :

  1. O clipe e a música da Nicki são tão ruins que eu chegam a ser bons

    ResponderExcluir
  2. só assisti o clipe do One Direction pra ver os looks deles hahahaha já coloquei o de colete cinza na minha lista de próximos looks rs

    ResponderExcluir
  3. Submundo gay, poxa pegou pesado #plc122já

    ResponderExcluir
  4. Eu amo o KAZAKY. Quero muito que eles arrasem neste ano, pois são ótimos. Estão deixando qualquer mulher que dança de salto alto no chinelo.

    Eu amei o clip da Nicki, simplesmente pelo fato de ela fazer o que era para ter feito desde o começo "Rap". Ela atacou as outras, falou o que queria e pronto. Foi clichê, por isso foi ótimo

    ResponderExcluir
  5. A Nicki tem mais gente não curtindo no youtube que curtindo (nunca vi isso)

    ResponderExcluir
  6. Gostei do clipe da nicki, não é o melhor que ela já fez mas nem por isso achei ruim. Nem vi tantas referências nesse clipe só peguei coisas que me lembraram mariah, gaga e claro brangelina e jennifer.
    Uma pena que já estejam saindo os singles do próximo cd sem Roman's revenge ter virado single

    ResponderExcluir