Mykki Blanco: Clipe de “The Initiation” e mais sobre pra quem (ainda) não conhece



Antigamente se ouvia falar sobre os rappers exalando ~masculinidade~ em seus vídeos. Mulheres nuas, rimas sobre seus carros e dinheiro, mas hoje um outro lado da moeda apareceu, o tão aclamado "Queer Rap". Muita gente pode não conhecer, mas nomes como LE1F (já apresentado aqui), Zebra Katz, Nicky Da B (famoso por sua parceria com Diplo em "Express Yourself") e Mykki Blanco - sobre quem falaremos - são referência nesse novo cenário musical.

Diferente do que estamos acostumados, mulheres, carros e dinheiro em seus versos, só se for ironicamente... Geralmente costumam passear por temas como homofobia, homossexualidade e ainda falam, sem pudor algum, de coisas como penetração. Sem contar o fato dele se alternar, visualmente, entre o estilo/gênero masculino, andrógino e feminino.

Um dos seus maiores sucessos, "Wavvy", é uma boa síntese disso. No vídeo, podemos ver Mikky todo masculino e ao mesmo tempo um fierce travesti, com apenas peruca preta e roupa feminina. Sua primeira mixtape, Cosmic Angel Mixtape: The Illuminatti Prince/ss, é sensacional, pode ser baixada gratuitamente em seu site e tem outras faixas como "Haze.Boogie.Life" e "Kingpinning", ambas com clipes.

O mais recente EP, que recebeu o nome de Betty Rubble: The Initiation, foi lançado mês passado e também é ótimo. O single que o inaugurou foi "Feeling Special", com um vídeo onde podemos ver Mikky - de peruca, espartilho e sinta liga - curtindo seus amigos dentro de um carrão antigo.

Já o último é "The Initiation", que teve clipe - bizarro e impactante - lançado semana passada. Assista abaixo:



[Post colaborativo escrito pelo leitor Matheus Nadall]
quedelicianegente.com