Warner Bros. vai adaptar o livro “A Seleção” de Kiera Cass para os cinemas!



Segundo o Deadline, a Warner Bros. comprou os direitos de adaptar para os cinemas A Seleção, o primeiro livro da trilogia (caso não contemos os contos spin-off) escrita pela autora estadunidense Kiera Cass, que já vendeu mais de 3,5 milhões de cópias ao redor do globo.

Muitas vezes explicada com descrições do tipo "um híbrido de Jogos Vorazes e Gossip Girl", a série é protagonizada por America Singer, uma habitante de Illéa, país onde um dia foi a América do Norte, agora governado por um sistema monárquico que divide a sociedade em castas.

Membra de uma das fatias mais baixas da população, a personagem vê sua vida mudar após ser chamada pra participar d'A Seleção, um desafio entre 35 garotas de todo o país. O prêmio? Se casar com o Príncipe Maxon e se tornar a futura rainha.

Entre as várias subtramas que se desenrolam nos bastidores do que é um verdadeiro reality-show para manter os súditos sob controle, America precisa lidar decisões de seu coração e conflitos externos que ameaçam a vida das concorrentes e o futuro do reino.

Tecnicamente falando, o estúdio já podia adaptar tais livros para a TV. Tanto que começou a filmar um seriado em 2012, época em que até falamos sobre, que seria transmitido pela CW, canal do grupo Warner. Mas agora possivelmente os negócios se tornaram maiores.

Entre as poucas informações conclusivas, estão os cargos de Katie Lovejoy (da série Drácula) como roteirista e Pouya Shahbazian (Saga Divergente), Denise Di Novi (Da Magia à Sedução, O Estranho Mundo de Jack) e Alison Greenspan (Se Eu Ficar, Um Homem de Sorte) como produtores.
quedelicianegente.com