Brooke Candy lança o clipe conceitual-artístico-fashion-freak “A Study in Duality”



Brooke Candy lançou nesta sexta-feira o interessante clipe "A Study in Duality". Se é que podemos dizer que o vídeo se enquadra neste formato... Está mais para uma performance artística/fashion.

Ao som de uma música completamente instrumental, a cantora aparece vivendo vários arquétipos - uma anja à la Marilyn Monroe, numa noiva rocker, uma rainha, uma Virgem Maria socialite e por aí vai - acompanhada de outras pessoas que a sociedade enquadraria na categoria "freak".

Ao site da revista Nylon, Brooke descreveu o trabalho, idealizado pelo estilista Nicola Formichetti e Hayley Pisaturo, como: "Este vídeo representa a metamorfose de uma menina e seus discípulos. Juntos somos fagmob*. Não somos definidos por raça, sexo ou orientação sexual. Nós somos o fruto proibido. Nós acreditamos no impossível. Estamos em todos os lugares e em nenhum, ao mesmo tempo. Nós somos ilimitadas. Somos destemidos... Juntos somos fagmob". Então, tá, né?



Musicalmente falando, Candy permanece ainda apenas com o EP Opulence - lançado ano passado e detentor de um clipe tão incrível quanto o novo para a faixa-título - e vários singles soltos, como "Dumb", "Everybody Does", "I Wanna Fuck Right Now" e "Pussy Make The Rules".

* = Neologismo utilizado para designar seus fãs. A semântica da palavra utiliza "fag", termo pejorativo para designar "gays" em inglês, aqui usado de forma irônica e empoderadora, também sendo um trocadilho com "flashmob". Em suma, algo como "máfia viada".
quedelicianegente.com