Fãs pedem para que “Percy Jackson” vire série + novidades de “Magnus Chase”



Com sagas literárias como Desventuras em Série e Os Instrumentos Mortais sendo transformadas em séries, após não darem assim tão certo nos cinemas, um caminho quase óbvio a seguir é levar outra sofrível adaptação cinematográfica às TVs: Percy Jackson.

Com um total de 10 livros de sucesso - contando as coleções "Percy Jackson & os Olimpianos" e "Os Heróis do Olimpo" - e uma verdadeira horda de fãs, sem dúvidas as aventuras escritas por Rick Riordan tem material suficiente para diversas temporadas e um público certo. Tanto, que os amantes do semi-deus estão em campanha para despertar a atenção de alguém para o projeto e até subiram ontem nos Trendic Topics do Twitter a hashtag #WeWantPJOAsTvSeries.

Se isso vai servir de alguma coisa? Ninguém sabe, mas é certo que o teor e ritmo das histórias dariam bem mais certo neste formato.

Lançados entre 2005 e 2014, os livros da saga já renderam dois filmes (bem ruins) em 2010 e 2013, estrelados por Logan Lerman, que já revelou que um terceiro está fora de cogitação (graças a Zeus!). Neles acompanhamos a história do personagem-título, filho do deus Poseidon, passando por aventuras que se desenrolam no mundo contemporâneo, mas estão cheias de referências mitológicas.

Paralelamente, vale lembrar que outra série escrita por Riordan encontra-se atualmente num impasse quanto a sua adaptação. Em 2008 a Dreamworks revelou que levaria The 39 Clues às telonas, mas o projeto, que seria inicialmente comandando por Steven Spielberg, já mudou duas vezes de diretor - Brett Ratner (X-Men: O Confronto Final ) e Shawn Levy (Gigantes de Aço ) - e tem, como última notícia, o interesse da Universal de adquirir os direitos, após a enrolação do estúdio inicial.

O que é de mais palpável mesmo há curto prazo é o lançamento certo do primeiro título de "Magnus Chase e os Deuses de Asgard" no segundo semestre. A Espada do Verão começa a contar a história de Magnus Chase e marca a estreia do escritor na exploração da mitologia nórdica (assim como fez com a egípcia em "As Crônicas de Kane"). O livro será lançado em 6 de outubro simultaneamente nos EUA e Brasil, de acordo com a editora Intrínseca. É possível ler trechos aqui e aqui e ver a capa aqui.
quedelicianegente.com