Troye Sivan aborda sua sexualidade e a história do público LGBTQ no clipe “Heaven”



O disco de estreia de Troye Sivan já rendeu clipes de "Youth", "Fools", "Talk Me Down", "Wild" - que também possui vídeo para o remix com Alessia Cara.

Para possivelmente fechar sua promoção, o cantor aposta em "Heaven", parceria com Betty Who, que ganhou hoje o seu tratamento visual. A faixa é bastante pessoal para Troye, pois nela discorre, através de versos como "Without losing a piece of me, how do I get to heaven?", sobre os conflitos na aceitação de sua sexualidade.

Sendo assim, nada é aleatório em todo contexto que envolve o material. Começando pela cantora colaboradora, que atingiu o estrelato com o apoio do público LGBTQ, chegando à própria data de lançamento - que antecede o dia em que Donald Trump, que possui discursos de ódio contra minorias em seu histórico, toma posse como o novo presidente dos EUA.

Dirigido por Luke Gilford, o vídeo inteiramente em preto e branco intercala cenas de Troye num fundo infinito preto, ora sozinho, ora acompanhado, com gravações de casais e protestos importantes do passado, como a Revolta de Stonewall.


quedelicianegente.com